Pular para o conteúdo principal

Pecado




Assisti um filme a uns dias atrás...( que não sabia o nome até entrar no meu ajudante Google..rs) com  o titulo: Um Novo Despertar que me chamou atenção. Não assisti do começo, mas deu para entender a mensagem que o filme queria passar. 
O filme relata a historia de um homem depressivo, ele tinha uma família, era dono de uma grande empresa (herança deixada pelo pai) entre tantas outras coisas, porém ele não era feliz. É expulso de casa, deixa o trabalho, e tenta se matar! 
Como se não pudesse piorar, ele encontra um castor de pelúcia e o coloca em sua mão esquerda, utilizando-o como uma espécie de fantoche, mas "com vida"...quero dizer...o personagem dá vida ao urso - usando sua própria voz - e fazendo tudo que ele lhe manda, é um tanto ridículo...mas se observado com outros olhos chegaremos a uma comparação um tanto que aceitável.
Bom,  as coisas até melhoram para o personagem onde o relacionamento com sua família é retomado, seu retorno ao trabalho é aceitável...e as coisas parecem até melhorar, no entanto, os problemas surgem quando o personagem cria uma dependência doentia com o 'castor', ele é dominado de tal forma pelo bicho de pelúcia que não consegue lutar pelo o que ele deseja....não consegue falar, se não for pela voz de sua mão esquerda! 
Resumindo..ele corta o braço no final do filme, e começa um longoooo tratamento não apenas fisioterápico, mas também em sua mente.

Mas onde quer chegar com isso Carol? Quero chegar em Romanos 7:14 - 25 que diz assim "Sabemos que a lei é espiritual; eu, contudo, não o sou, pois fui vendido como escravo ao pecado. Não entendo o que faço. Pois não faço o que desejo, mas o que odeio. E, se faço o que não desejo, admito que a lei é boa. Neste caso, não sou mais eu quem o faz, mas o pecado que habita em mim. Sei que nada de bom habita em mim, isto é, em minha carne. Porque tenho o desejo de fazer o que é bom, mas não consigo realizá-lo. Pois o que faço não é o bem que desejo, mas o mal que não quero fazer, esse eu continuo fazendo. Ora, se faço o que não quero, já não sou eu quem o faz, mas o pecado que habita em mim. Assim, encontro esta lei que atua em mim: Quando quero fazer o bem, o mal está junto a mim. Pois, no íntimo do meu ser tenho prazer na lei de Deus; mas vejo outra lei atuando nos membros do meu corpo, guerreando contra a lei da minha mente, tornando-me prisioneiro da lei do pecado que atua em meus membros. Miserável homem eu que sou! Quem me libertará do corpo sujeito a esta morte? Graças a Deus por Jesus Cristo, nosso Senhor! De modo que, com a mente, eu próprio sou escravo da lei de Deus; mas, com a carne, da lei do pecado."

Alguma semelhança ao filme?? Você pode não ter visto relações, mas eu vejo. Quando li pela manhã esses versículos me veio a mente o personagem do filme e sua melancolia, dependente ou "controlado" por algo que não fazia parte de sua personalidade, assim é o pecado. Ou não?? 
Paulo, diz que o que "tenho o desejo de fazer o que é bom, mas não consigo realiza-lo", nós somos assim também né? Sabemos o que é bom, conhecemos a palavra...mas na hora de coloca-la em prática precisamos de ajuda, não conseguimos realiza-lo. 
"se faço o que não quero, já não sou eu quem o faz, mas o pecado que habita em mim".. Uall...entende isso? como aquele personagem, ele sabia o que deveria fazer, ele queria voltar a trabalhar e a conviver com sua família, mas o 'castor' não deixava...então teoricamente não era 'ele' e sim quem estava dominando. O que tem dominado nossas vidas? O pecado? Temos lutado contra a nossa natureza pecaminosa?? Ou temos deixado que o pecado atue em nossas vidas, tirando tudo quanto aprendemos, e tornando-nos prisioneiros?? 

Em Mateus 18.9, está escrito " E se o seu olho o fizer tropeçar, arranque-o e jogue-o fora. É melhor entrar na vida com um só olho do que, tendo os dois olhos, ser lançado no fogo do inferno", aquele personagem preferiu cortar o braço a viver uma vida dependente de um bicho de pelúcia. O pecado chega disfarçado de amigo, de convites, de dinheiro, de festas, de experiências, de relacionamentos, de 'bichos de pelúcia' e aos poucos vai tomando conta de nossas vidas, e mesmo que saibamos o que é correto, somos levados a pecar.


Não deixe que 'bichos de pelúcia' atuem em seu corpo e em sua mente. Se posicione. Reaja. Peça ajuda. Ore. 

"Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo,
pois a nossa luta não é contra pessoas, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais." Efésios 6:11-12 


PS: Utilizei o filme apenas como ilustração, isso não significa que esta seja a unica interpretação.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Até quando?

Oi genteeee!! *-*

Hoje é dia de 'bem de quinta'...e quero falar sobre um assunto que durante 'uma' semana foi super comentado, mas caiu no esquecimento da grande maioria, acho que o texto de hoje se encaixa como desabafo. Posso?

Não assisto TV, ou melhor...não gosto de  TV, vez ou outra assisto um filme ou reportagens, é tão raro...que o nome da ultima novela que eu lembro foi 'Chocolate com Pimenta' rs. Numa dessas semanas atrás vi vários comentários sobre a cena de uma novela e, como sou bem curiosa fui atrás ver do que se tratava...e porque aquela atriz estava sendo tãooo elogiada em sua performance.

Procurei, encontrei, me emocionei e me incomodei. A cena que estou falando é sobre uma viciada em drogas, que é estuprada em plena rede nacional. Não quero falar sobre a novela, nem sobre a performance da atriz apesar de ter sido fantástica, quero compartilhar o que vi naquela cena. (Caso você não tenha visto. Clique aqui)

Estamos cansados de ouvir, aprender e …

Uma Nova História!

Estava aqui escutando a canção do Fernandinho - "Uma Nova História", e não me segurei em dizer algumas palavras!...
Cantamos várias canções com letras que nos fazem acreditar e a cantarolar pelas ruas promessas e palavras vindas direto do Pai...não, não é errado...mas sabe qual o problema? As vezes não enxergamos "uma nova história" para nossas vidas porque nos limitamos no que planejamos, ou no que projetamos...
Vou tentar explicar melhor..rs sabe aquele sonho que temos e que imaginamos cada detalhe, cada segundo da realização dele??..Seja ele qual for...grande ou pequeno, percebe que nós esperamos que as coisas aconteçam do nosso jeito?? (Ops.. será que só eu sou assim???..) Não vá dizer: Carol, eu quero a vontade de Deus pra minha vida!... Amém..eu tbm quero, mas que temos esse problema temos, não podemos negar!!
Pois bem, quando o Senhor chama Abraão... ou Abrão como até então era chamado "Ora, o SENHOR disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e d…

#MulheresExtraordinárias - Dia 8

Oi meninas lindas!!!

Ual....fiquei alguns minutos pensando sobre o post de hoje, que tem como tema: 'Louve a Deus na tempestade', fiquei tentando resumir e encontrar as melhores partes do capitulo para compartilhar com vocês. Ele é todo lindo.

O amor sempre envolve responsabilidade e sacrifício. Por isso, na verdade, só amamos a Cristo se estivermos preparados para fazer a obra e levar a cruz. - William Barclay

A tragédia, o sofrimento, a perda e os momentos difíceis podem surpreender qualquer um de nós. Infelizmente, as tempestades da vida são inevitáveis e nos atingem de um modo particular. nessas horas, podemos nos sentir desamparados e desprovidos de amor. 

Ás vezes, em meio as circunstancias difíceis, permitimos que a preocupação e a frustração encubram o amor de Deus. É por isso que precisamos enfrentar as tempestades da vida com um espirito de fé. A preocupação nos prende ás coisas terrenas e, a raiva, quando não administrada adequadamente, nos faz pensar constantemente em …