Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2017

Culpa

Estive pensando nos últimos meses em como temos a necessidade de 'culpar' alguém ou alguma coisa, por nossa condição de vida- em todos os sentidos: emoções, finanças, casamento, ministério, sonhos...etc.

Começo por mim.
Durante esse tempo de gestação usei o cansaço, o marido, os hormônios e as pessoas, tentando encontrar o famoso culpado, de coisas que estavam acontecendo por minha causa e, não por fatores externos.
CALMA! Antes que pense, sei que a gestação tem seus momentos turbulentos, devido a enxurrada de hormônios que a mulher produz. É um misto de sentimentos, eu sei e já falamos sobre isso.
Como sempre compartilhei aqui, gosto de aprender com tudo que vivo e, não apenas me esconder atrás do 'normal' como a maioria diz.
O sono, as alterações de humor, o ciúme, a fome, o cansaço, o estresse, o nervosismo o silêncio e a preocupação, NÃO era culpa de ninguém, mas minha. TALVEZ, a palavra correta não seja 'culpa' mas 'responsabilidade' em lidar de o…

A espera

Hoje parei para pensar em tudo que aconteceu.
Como você 'chegou' em nossas vidas e mudou tudo.
Desde o café da manhã até a hora de dormir, ou não.
A mudança na maneira de dirigir, no descer escadas e no andar pela casa.
Eu, que sempre tinha roxos espalhados pelo corpo...por conta das inúmeras  batidas e falsa sensação de saber meu tamanho, me vi prestando atenção em coisas que não tinham antes de você chegar.
Aliás, você chegou aqui dentro e aqui fora tudo mudou por sua causa.

O horário de almoço, a roupa escolhida para o dia, passou a ser baseada naquilo que faria bem a você.
Sei que pra você foi tudo natural mas, fígado filho? poxa...com tantas coisas gostosas aqui...você me fez comer fígado?rs
Pior é que gostei.

Quem disse que só eu vou te ensinar? Acredito que o professor nessa história será você.
Vejo a grandeza de Deus a cada ultrassom.
Aprendo sobre dependência e paciência a cada semana que completamos.
Percebo a perfeição de Deus a cada mexida, ou resposta do meu corp…

#DiárioDeGravidez - 2ª Trimestre

Ual o tempo passa muito rápido, não acham?

Bom minha gente... vamos lá!!

É uma fase muito intensa, cheia de novidades e sentimentos. Uma mistura de tudo e mais um pouco.

Pra mim, 2º Trimestre é o tempo em que a 'mãe' tem para respirar. Digo isso porque, fiquei muito mais agitada, ligada no 220 e disposta - coisa que faltava no primeiro e pelo visto falta no ultimo tbm rs,

Uma das emoções é o famoso 'US Morfológico', sinceramente não sou ansiosa, mas sou preocupada..muitooo! Então pra este exame fiquei apreensiva, porque nele vemos formações dos orgãos, ossos e o mais esperado: MENINO OU MENINA??

Lembro como se fosse hoje, acordamos e enquanto me vestia...Habinner disse: vou de azul, porque é um MENINO! Eu, para não deixar o time das meninas sem torcida, coloquei uma blusa rosa...rs. Engraçado que desde que engravidei ele sempre disse ser menino. Aliás, é importante dizer... desde que engravidei muitas pessoas começaram a palpitar... eu fui um tanto 'chata' com…

#DiárioDeGravidez - 1º Trimestre

Não consegui nem escrever sobre os preparativos do casamento e estou iniciando o #DiárioDeGravidez... rs

Disse para o Habinner que as coisas acontecem tão rápido conosco que, muitas vezes não dá nem tempo de curtir,rs.

Apesar de estar com 20 semanas e 2 dias, ou seja.. no 5º mês.

Quero falar apenas do 1º trimestre, que geralmente é o mais 'sentido' rs.

As primeiras perguntas são: foi planejado? estavam querendo? nasce quando? será menino ou menina? não tem enjoo? tem azia? já sentiu vontade de alguma coisa? na verdade é uma infinidade de perguntas que parecem surgir em questão de segundos. Admito que no inicio responde-las era 'novo' e 'curioso'.

Sempre quis ser mãe e o Habinner sempre sonhou em ser pai. Foi uma surpresa boa. No dia do aniversário dele, o presente veio para os dois.

Depois contamos o 'processo' e porque foi uma  ´surpresa para nós', mas a experiência tem sido incrível. Como sempre digo, é um universo que não conhecia, um mundo '…

Não siga seu coração!

Estava um dia lindo. Ensolarado, céu azul, aquela brisa suave que vinha só para balançar os cabelos enquanto conversávamos.
Ela não conseguia me olhar nos olhos -  e mesmo com uma mesa nos separando, era possível ouvir seu coração batendo rápido, sua respiração tentando se organizar e aquela dúvida em seu rosto.
'Por que?', ela me perguntou. 
Sem ter respostas, tentei conforta-la segurando sua mão.
Ela estava dilacerada, casada, com filhos, e o título que nunca imaginava ter: traída. Com histórico de abuso, sentiu-se mais uma vez: usada.
A pergunta dela foi minha durante anos, enquanto ouvia relatos de traição, abuso e violência. E quando ela olha pra mim, a pergunta dela se torna a minha. Por que? 

' O que leva alguém a machucar quem diz amar? O que leva alguém ferir quem o ama? Por que? '
Participei de uma palestra sobre 'Abuso sexual' há duas semanas e, durante aquelas horas...só conseguia lembrar do versículo que diz: ' Pois é de dentro do coração dos homens…

OuvIR

Quando você for ao santuário de Deus, seja reverente. Quem se aproxima para ouvir é melhor do que os tolos que oferecem sacrifício sem saber que estão agindo mal. Eclesiastes 5:1
Existem textos que mesmo conhecendo a muito tempo, tem um ‘tempo’ para ser trabalhado dentro de nós. Gosto muito de versículos que falam sobre ‘intenções’ e para mim, este é um deles.
Salomão começa alertando de maneira muito direta sobre ir ao templo, coisa que talvez passe desapercebido muitas vezes para nós. Mas por que? As vezes me pego imaginando como a igreja seria se tivéssemos a mesma reverência que os primórdios tinham ao entrar no templo, digo, Jesus foi um dos que entrou e colocou tudo abaixo por aquelas pessoas estarem profanando  a ‘Casa de Deus’!!! Acho que Salomão estava dando uma dica para o pessoal que viveriam nesse tempo, para não passar vergonha com Jesus lá...rs e Jesus só reforçou para nós ;)
Bom... onde quero chegar com isso? Muitas vezes estamos tão ‘acostumados’ em estar em uma igreja, …

Amar

[Primeiro do ano, com o que deve ser prioridade durante o ano todo]

Pois ninguém pode amar a Deus, a quem não vê, se não amar o seu irmão, a quem vê. I João 4.20
O apostolo João escreve esse capitulo em sua epístola numa entonação cálida. Ele nos apresenta de forma incontestável o amor de Deus. Exorta-nos a amarmos uns aos outros, a ampararmos nossos irmãos e a qualquer pessoa necessitada.
Temos que ter em mente que a essência do verdadeiro amor está no sacrifício de oferecermos tudo o que temos ao próximo e podermos fazer tudo por ele. Até mesmo entregarmos o sacrifício de nossa própria vida, se preciso for.
Se amamos a Deus, não podemos desprezar a quem Ele ama e criou à sua imagem e semelhança, como nós também fomos criados. Como posso eu declarar  meu amor a Deus, quando maltrato meu semelhante? Seria no mínimo um paradoxo inexplicável e para Deus uma inaceitável hipocrisia.
Vemos muitas pessoas nas igrejas exercitando sua fé, louvando, declarando seu amor a Deus e o desejo de cumprir …