Pular para o conteúdo principal

#DiárioDeGravidez - 1º Trimestre





Não consegui nem escrever sobre os preparativos do casamento e estou iniciando o #DiárioDeGravidez... rs

Disse para o Habinner que as coisas acontecem tão rápido conosco que, muitas vezes não dá nem tempo de curtir,rs.

Apesar de estar com 20 semanas e 2 dias, ou seja.. no 5º mês.

Quero falar apenas do 1º trimestre, que geralmente é o mais 'sentido' rs.

As primeiras perguntas são: foi planejado? estavam querendo? nasce quando? será menino ou menina? não tem enjoo? tem azia? já sentiu vontade de alguma coisa? na verdade é uma infinidade de perguntas que parecem surgir em questão de segundos. Admito que no inicio responde-las era 'novo' e 'curioso'.

Sempre quis ser mãe e o Habinner sempre sonhou em ser pai. Foi uma surpresa boa. No dia do aniversário dele, o presente veio para os dois.

Depois contamos o 'processo' e porque foi uma  ´surpresa para nós', mas a experiência tem sido incrível. Como sempre digo, é um universo que não conhecia, um mundo 'paralelo' ao que vivia...rs engraçado né? como a vida passa e vamos nos tornando pessoas completamente diferentes e vivendo coisas que apesar de sonharmos não imaginamos ser tão rápido.

Os primeiros 3 meses foram de MUITA ADAPTAÇÃO. Descobrimos estava com 6 semanas, na linguagem de meses, o presente tinha chego há 1 mês e meio.

A primeira Ultrassom foi rodeado de ansiedade admito... como seria ter alguém dentro de mim? Como seria ver? o que veria? rs... lembro de não entender absolutamente nada. No primeiro US a médica viu uma ferida no útero e se aumentasse ou sangrasse poderia passar a placenta e um aborto seria inevitável. Ficamos apreensivos, mas ao mesmo tempo muito calmos. Não é algo que queremos ouvir, mas sabemos que tudo está no controle de Deus.

Sintomas? rs... SONO, SONO, SONO, SONO, SONO. Nada além disso. O que é uma vantagem, apesar de passar os 3 primeiros meses sem saber o que acontecia no mundo. Levantava para trabalhar pq não tinha outra opção. CÓLICAS, muitas cólicas. Nunca imaginei que gravida sentia tanta dor, nem todas é verdade, no entanto eu fui a escolhida para sentir. Meu corpo precisava se adaptar a uma nova sensação, uma nova rotina, um novo mundo que estava sendo gerado dentro de mim.

Não tive vontades, desejos, azia... ou nenhum 'sintoma' dos que consideramos comuns. Mas algo me chamou atenção, fiquei mais apegada ao meu esposo. Muito mais. Além de sensível, muito sensível..rs sabe aquele negócio de que grávida chora por tudo? rs então... é assim mesmo. Choro de felicidade, de tristeza, de dor, de cansaço, de vontade de chorar...é assustador e acho que o choro deveria ser uma forma de perder calorias, mesmo porque o tanto que se come na gestação não está escrito.

A musica 'Oração do Bebê' da Barbara Dias diz EXATAMENTE o que se sente no chamado 1º trimestre:

Um mês e o tempo voa, eu já sou! E você nem descobriu
São dois e chega perto, mas eu ainda sou pequeno demais, viu?
Três meses e o tormento esse teu sofrimento, eu também já posso sentir
Vê se aquieta o coração pra quando eu sair daqui 

No próximo post sobre isso, falarei sobre 'vê se aquieta o coração'... uma parte bem cômica e um tanto preocupante.

Se houver alguma gestante por aqui meu conselho é: Não ouça tudo o que as pessoas dizem e tbm não ouça tudo o que seu coração diz, depois entenderá melhor. Mas, cada bebê desenvolve em um tempo e cada gestante reage de uma forma, ninguém é igual. Formato de barriga não determina nada, opinião das pessoas não são verdades absolutas, sites as vezes complicam mais do que ajudam! E uma dica? Respire fundo!! Vai precisar muito disso para o resto da vida como mamãe! Faça o que estiver ao seu alcance, mas não queira tomar o lugar daquele que desenha o 'bebê' dentro do seu ventre. Está tudo sob controle.

Está tudo sob controle 'dELE'.





Comentários

  1. Sempre leio (você sabe rs) mas faz tempo que não deixo recadinho aqui.. fico tão feliz em ver sua felicidade e por poder participar desse momento, mesmo que "de longe". Ler sobre seu aprendizado, me ensina, ver o cuidado que você tem com tudo e agora com seu bebê, é lindo. Que Deus continue abençoando suas vidas e fazendo você crescer. Jajá o Levi estará aqui pra nos ensinar mais hehe.. beijos pra vocês 😘💙

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A espera

Hoje parei para pensar em tudo que aconteceu.
Como você 'chegou' em nossas vidas e mudou tudo.
Desde o café da manhã até a hora de dormir, ou não.
A mudança na maneira de dirigir, no descer escadas e no andar pela casa.
Eu, que sempre tinha roxos espalhados pelo corpo...por conta das inúmeras  batidas e falsa sensação de saber meu tamanho, me vi prestando atenção em coisas que não tinham antes de você chegar.
Aliás, você chegou aqui dentro e aqui fora tudo mudou por sua causa.

O horário de almoço, a roupa escolhida para o dia, passou a ser baseada naquilo que faria bem a você.
Sei que pra você foi tudo natural mas, fígado filho? poxa...com tantas coisas gostosas aqui...você me fez comer fígado?rs
Pior é que gostei.

Quem disse que só eu vou te ensinar? Acredito que o professor nessa história será você.
Vejo a grandeza de Deus a cada ultrassom.
Aprendo sobre dependência e paciência a cada semana que completamos.
Percebo a perfeição de Deus a cada mexida, ou resposta do meu corp…

Culpa

Estive pensando nos últimos meses em como temos a necessidade de 'culpar' alguém ou alguma coisa, por nossa condição de vida- em todos os sentidos: emoções, finanças, casamento, ministério, sonhos...etc.

Começo por mim.
Durante esse tempo de gestação usei o cansaço, o marido, os hormônios e as pessoas, tentando encontrar o famoso culpado, de coisas que estavam acontecendo por minha causa e, não por fatores externos.
CALMA! Antes que pense, sei que a gestação tem seus momentos turbulentos, devido a enxurrada de hormônios que a mulher produz. É um misto de sentimentos, eu sei e já falamos sobre isso.
Como sempre compartilhei aqui, gosto de aprender com tudo que vivo e, não apenas me esconder atrás do 'normal' como a maioria diz.
O sono, as alterações de humor, o ciúme, a fome, o cansaço, o estresse, o nervosismo o silêncio e a preocupação, NÃO era culpa de ninguém, mas minha. TALVEZ, a palavra correta não seja 'culpa' mas 'responsabilidade' em lidar de o…

#DiárioDeGravidez - 2ª Trimestre

Ual o tempo passa muito rápido, não acham?

Bom minha gente... vamos lá!!

É uma fase muito intensa, cheia de novidades e sentimentos. Uma mistura de tudo e mais um pouco.

Pra mim, 2º Trimestre é o tempo em que a 'mãe' tem para respirar. Digo isso porque, fiquei muito mais agitada, ligada no 220 e disposta - coisa que faltava no primeiro e pelo visto falta no ultimo tbm rs,

Uma das emoções é o famoso 'US Morfológico', sinceramente não sou ansiosa, mas sou preocupada..muitooo! Então pra este exame fiquei apreensiva, porque nele vemos formações dos orgãos, ossos e o mais esperado: MENINO OU MENINA??

Lembro como se fosse hoje, acordamos e enquanto me vestia...Habinner disse: vou de azul, porque é um MENINO! Eu, para não deixar o time das meninas sem torcida, coloquei uma blusa rosa...rs. Engraçado que desde que engravidei ele sempre disse ser menino. Aliás, é importante dizer... desde que engravidei muitas pessoas começaram a palpitar... eu fui um tanto 'chata' com…